As Metastases De "Deus"...

Assim como o cancro só pode ser removido depois de detectado, a Saúde só pode se manifestar quando percebemos que o Ser Humano é a célula cancerígena... de toda a criação.




Tanto Barulho...

Se para bom entendedor, meia palavra basta, para Excelente entendedor...o silêncio é suficiente.


Faz Como As Gaivotas

Só quando te estiveres completamente a cagar para o que os outros pensam de ti pode a tua Vida começar a fazer sentido...


Subtilezas...

Mesmo as coisas mais básicas possuem quase sempre raízes profundas em experiências emocionais relevantes.


Ter...Ou Não Ter...

Duas opções características da mentalidade de escassez...talvez uma das Artes mais difíceis na Vida seja a de "Saber Ter".

Tal como se segurarmos com muita força uma moeda na nossa mão com a palma virada para baixo, façamos a força que fizermos, algum dia teremos que forçosamente abrir mão dela e ela se vai, quase todos nós passamos a Vida toda a "querer ter" algo só para depois "perder" esse algo.

Se soubéssemos segurar a moeda de palma virada para cima, veríamos  que não seria esforço nenhum para ela lá se manter...e é precisamente por estar "solta" que a sua presença continua connosco e de livre vontade.


Separando As Aguas...

Talvez uma das mais importantes separações que se pode fazer na Vida é a da pessoa...e suas emoções.

Podemos até detestar as suas emoções...mas, sabendo o quanto é fácil elas ganharem vida própria, sendo o território emocional tão Sensível, leva-nos a cada vez mais... Amar o Ser Humano.


Manto Azul...

Por vezes, a única maneira de te abraçar é como o céu abraça a Terra...distante...porque Essencial.


Inteligente...Indelicadeza

O que, com pessoas, é de extrema indelicadeza e falta de respeito, com a nossa mente é essencial...

Saber "voltar-lhe costas" e deixá-la a falar sozinha, é a maneira garantida de fazê-la calar-se e sentir vergonha...de si própria.


"Curso" Superior...De Gestão

Saber gerir os tempos de Tristeza, Vulnerabilidade e Fragilidade é tão ou mais importante... do que capitalizar os momentos de Alegria, Força e Confiança.


Medíocre...Educação

A competição e não a cooperação está no centro do processo educacional, sendo esta última até associada à desonestidade e as crianças e alunos avaliadas por factores extrínsecos e nunca intrínsecos.

Tendo em conta que o máximo potencial na Vida encontra-se na Interdependência e não na independência, terá que se chegar à conclusão que o paradigma educacional está errado, valoriza factores secundários e não contribui para a formação de Seres com Sensibilidade, Criatividade, Inteligência...mas sim para "autómatos" repetidores de palavras e informações.

Como expoente máximo deste paradigma da mediocridade encontram-se todos os políticos, comentadores políticos, juízes, advogados e todas as entidades que compõem um mentiroso sistema judicial e todos aqueles que, na ilusão de um futuro com um ego bajulado, dedicam-se a toda a forma de "cursos superiores", contribuindo para a decadência académica mundial.


Vazia...Perseguição

Quando espero que a Felicidade que tanto procuro esteja em algo que desesperadamente persigo,  somente duplico a dor...que me propunha eliminar.


Tenho medo é de...

...ser feliz.

Melhor...tenho medo é do que vem depois de perder a felicidade.

Foi difícil isto perceber e aqui chegar...mais difícil parece ser inverter o processo...se perdi a felicidade o único caminho agora é voltar...a ser feliz.

O dia caminha para a noite? Ou a noite caminha para o dia?...

Melhor será Amar as 24 horas...pois já está a amanhecer.




Desejando...Não Desejar

Todo o desejo é contraditório...

Desejo ter para depois desejar não ter tido, desejo ir para depois desejar ter ficado, desejo ficar para depois "quem me dera que tivesse ido", desejo namorar para depois desejar "ter de volta o meu espaço", desejo "morrer" só para mostrar o quanto desejava ter vivido...

Na ilusão de um "objectivo" fixo que nos chegará no fim de um percurso, desgastamo-nos brutalmente no atrito psicológico que nos causa a constante batalha dos desejos. Passamos quase toda a nossa Vida sem percebermos que a Verdade é a Contradição e não a Estabilidade...a Verdadeira Estabilidade só surge, aí sim, quando compreendemos que tudo é contraditório e nunca fixo.

Se percebermos por nós próprios este Facto, não como teoria mas como Verdade, que existirão sempre, no mínimo, dois desejos em oposição entre eles, o próprio constatar dessa realidade traz-nos o "caminho certo" para caminharmos sem desgaste... uma Terceira Alternativa que, por causa da perturbação mental em que nos encontrávamos jamais conseguiria se revelar... e uma Vida totalmente nova (fruto de uma Visão baseada num Paradigma Verdadeiro) chegará a nós... sem esforço.


É Incrível, Linda Princesa...

Que Depois De Passada
Uma Eternidade Com Tanta Tristeza...
Continues A Encantar Com A Tua Beleza...
Mais Formosa Que Qualquer Realeza...


Verdadeira...Lealdade

Por mais que por vezes possa ser bem difícil de entender, a Lealdade numa (ou a uma) relação terá que sempre submeter-se à Integridade....da Verdade.



A Pior De Todas...

Talvez a pior de todas as dores seja a da constante duvida que todo o Acto de Verdadeiro Carinho, Ternura, Amor e toda a Inteligência no suportar dos sofrimentos, tenham sido completamente... em vão.

Há um Silêncio que, no limite, sempre me chega e que faz-me entender que não... mas só depois da "alma" ter sangrado quase que até à morte e a sua "hemorragia" ter estancado... por si própria.


As Suas Mil Faces...

O medo muda sempre de forma e de face...

Quando tentamos Verdadeiramente ir à sua raiz para podermos compreendê-lo em profundidade e assim eliminá-lo, ele investe sempre com toda a sua força quando se sente encurralado qual animal selvagem ferido...e o pior é que nos ataca sempre quando menos esperamos.

Mas, quando duvidamos da sua aparência e mantemos a nossa postura, o que nas sombras pode nos parecer um animal bem feroz, acaba por afinal revelar-se um frágil e dócil felino assustado que só quer ser aconchegado, amparado e protegido...

Não te parece que o Medo é muito parecido a alguém extremamente familiar? Não será "ele" alguém que está sempre contigo?

No fundo, o medo...não será tu próprio?





Sonhando Acordado...Num Futuro Presente

Tenho um sonho, que se projecta sempre num futuro permanente...
O de algum dia vir a conseguir viver Verdadeiramente Acordado...num interminável momento, constantemente Presente.


Alegre...Depressão

Depressão...palavra bem pesada nos dias de hoje. Todos "fugimos" dela, todos a tememos...será?

Devido ao "bombardeamento" da palavra e à imagem que fica em nós de pessoas "depressivas", é cada vez mais difícil de encontrar "espaço mental" para analisarmos as coisas como de Facto são e não como socialmente está aceite.

"Estou com depressão" dizemos... "Fulano entrou em depressão"... a própria palavra nos transmite uma noção de algo ou alguém que está "em baixo". Inevitavelmente, "eu só estarei em baixo" comparado a algo ou alguém que "penso estar em cima".

Eu não tenho (mas alguém tem), eu não consigo (mas alguém consegue), eu não presto (mas alguém presta) eu não valho (mas alguém vale)...eu não sou Amado (mas alguém é).

Vamos ao médico...a própria ida ao médico pressupõe ir a alguém que sabe (está em cima) e que me vai ajudar, pois eu não sei (estou em baixo)...e o médico, "pensando que sabe" (muitos estudos e diplomas fazem-no crer que sim), admite que está alguém à sua frente "que não sabe e que precisa de ser ajudado".

"Não devia estar assim", "Veja o lado positivo", "Tem aqui uma medicação para ajudar"???????

Se bem que a intenção pode ser boa, estas palavras e atitudes só reforçam a dependência emocional daquele que se julga "em baixo" a algo ou alguém que pensa "estar em cima", contribuindo para, a médio prazo, agravar ainda mais o tal estado depressivo que se propunha eliminar...ao criar o conflito no paciente entre o que ele sente e como se deveria sentir, o que a curto prazo pode parecer uma solução, palavras "positivas" e principalmente medicação (que mais não faz do que "desligar o alarme, deixando a casa a arder") mais não são do que sementes de destruição que ao criarem raízes, despontarão com toda a sua força para lentamente "sufocar" o próprio semeador.

Quem "pensa que sabe" precisa de fazer ver ao outro que ele também está ali para aprender...para mostrar que erra e errou...para mostrar que sofre...para mostrar que também mente...para mostrar que também é fraco...para mostrar que no fundo, também não sabe nada de nada...e talvez assim venhamos a compreender que, acima de tudo, precisamos de um genuíno sentimento de Verdadeira Amizade (falsamente substituído por uma aparente "sabedoria profissional) pois Amizade é Amor.
Quem disser que não é bem assim, terá que rever o seu conceito de Amor (e não falo aqui de algo "sentimental ou sexual...pois tal como com o Sol do dia não pode haver noite escura, também com Amor todas as sombras de depressão serão automaticamente afastadas)
Há demasiados profissionais... demasiados cursos...demasiada mentira...muito pouca Empatia e Amizade.

Precisamos de ver a Verdade...e a Verdade é que, inconsciente e subtilmente, estamo-nos a COMPARAR.
Então o Verdadeiro mal é a COMPARAÇÃO, jamais a "depressão".
Ao não aceitarmos que momentos de tristeza fazem parte de uma Vida com Verdade, criamos a ilusão que temos que a afastar a todo o custo, porque, fechados em nós mesmos, não conseguimos quebrar as amarras interiores que nós próprios construímos, baseadas em valores sociais que pensamos ver nos outros e não em Princípios Universais e Intemporais. Achando-nos sós com estes sentimentos e pensamentos, nem conseguimos ver que o nosso Verdadeiro mal é a COMPARAÇÃO que diariamente fazemos e que a sociedade falsamente alimenta.

A Vida é movimento...umas vezes "em cima", outras vezes "em baixo"...não com uma conotação negativa, mas sim com um sentimento de Comunhão que chega com a compreensão da Verdade. Se nos lembrarmos de como era divertido brincarmos no baloiço com os nossos Amigos quando éramos Crianças (ou agora com os nossos filhos, netos, sobrinhos etc) veremos que a Alegria de estar "em baixo" é a mesma de estarmos "em cima" pois existe um movimento de Verdadeiro Balanço.

Não tenhamos medo de ir "abaixo"...servirá para mostrar aos outros que, quando for a sua vez de lá estar, estaremos nós lá "em cima" sorrindo e mostrando que estamos todos nivelados...por um Verdadeiro movimento de Vida.


Nem "Paulinho"...Nem "Paulona"

Quando, não havendo intimidade ou confiança para tal, te diriges a alguém com diminutivos ou superlativos, mais não mostras a pequenez do teu carácter e a grandeza...da tua burrice.


Foto: António A. Serra

Reflexos...soxelfeR

Em mim, não encontrarás mais ninguém...senão tu próprio.
.omsem mim a oãnes...mèugnin siam ierartnocne oãn ,it mE



Por Cima...De Um Céu Azul

Vivemos no reflexo da Realidade...

Tal como quando olhamos ao espelho tudo aparece invertido, cada vez mais sinto que, em comparação à Realidade, nós simplesmente somos a imagem do espelho.

Desejamos estabilidade e segurança como forma de mantermos os relacionamentos com aqueles que Amamos e sentimos no Coração (pelo menos, indo ao limite do meu Ser, foi à conclusão que cheguei) e a tudo o que (principalmente psicológicamente) ameaça essa suposta segurança, resistimos com todas as nossas forças do nosso Ser.
Ilusoriamente, colocamo-nos "de parte" em relação ao Todo e começamos a Viver como se só houvesse mudança em nós...de alguma maneira, "Todo o mundo é estável, menos eu...", "Todo o mundo está bem, menos eu...", "Todo o mundo está seguro, menos eu...", "Todo o mundo é feliz, menos eu...".

Se percebermos que TODOS mudamos e é isso mesmo que faz com que nos mantenhamos Verdadeiramente juntos, então a mudança já não será sentida como uma ameaça mas sim como algo que é bem vindo e desejado, pois ao sermos flexíveis, aí sim, somos Seguros e o Amor flui.
Tal como quando não fazemos exercício existe em nós uma falsa sensação de "bem estar", e resistimos ao máximo a qualquer alteração no sentido de nos "começarmos a mexer", criamos em nós um interminável conflito quando pensamos que "a estabilidade é que deveria ser" quando a Inteligência está quando percebemos que a Verdadeira Estabilidade é só uma consequência da nossa Flexibilidade e jamais um objectivo a ser atingido pela nossa Vontade.

Vivemos no reflexo da Realidade...e passamos a Vida toda a pensar que o céu está por cima das nossas cabeças quando, se calhar...todos os dias andamos sobre ele.


Boleias...

Consciente ou inconscientemente, desejamos uma relação como o "Objectivo da Viagem" quando no fundo, todas elas não passam de "boleias" que de vez em quando apanhamos sempre que a Vida entende nos dar... uma ajudinha no Caminho.


Isto Está Mal Isto Está Mal Isto Está Mal Isto Está Mal Isto Está Mal...

Alguém disse:

" Eu estava triste porque não tinha sapatos, até encontrar alguém...que não tinha pernas"

Eu digo:

"Todos choram porque "isto está mal", até um terramoto...arrasar Portugal"

De repente todos acordávamos...e víamos que tínhamos vivido este tempo todo no Paraíso.
Mas rapidamente a frase seria:

"Dantes é que estávamos bem"... repetida até ao expoente da loucura.


Todas As Bandeiras São Símbolos...De Ignorância

Nacionalismo = Separação, Conflito, Guerra, Destruição... A Nível Psíquico e Emocional, Teremos País Ou Bandeira?

Em nome de um País, que mais não é que o nosso ego à escala nacional, criamos exércitos e bandeiras...para nos afundarmos na nossa própria necessidade de conflito.


A Nível Essencial, todo o "patriota" e "nacionalista", é sectário, tem uma mentalidade tribal e é responsável por todas as guerras no mundo e pela destruição por elas causada.
Não havendo Sensibilidade, jamais reconheceremos que, na sua base, somos todos iguais e desejamos todos ser felizes e evitar o sofrimento.

Não há Integridade em quem se mente a si próprio em nome de um país, contribuindo para o caos e desordem...pois a noção de ser Palestiniano ou Israelita, Espanhol ou Português tem uma única fonte, a da ignorância...onde o único objectivo é o subtil desejo de superioridade.

Verdade, Amizade, Integridade, Amor, não são valores "nacionais" mas sim Humanos...valores esses que todo aquele que se diz "patriota"...relevou para segundo (terceiro?,quarto?) plano.



"Patas"...Faltam-me Duas

Tributo A Um Dos Seres Mais Queridos Da Minha Vida.

Tendo reconhecido a Amizade, o Carinho, a Dedicação e diria até o Amor que o meu Fluke sente por mim (e não, não estou a ser egocêntrico, simplesmente a ser Verdadeiro e quem o conhece poderá comprovar) e aprendido imenso com as lições que todos os dias me dá, sem que disso se dê conta ou seja essa a sua intenção (não acumula ressentimentos, uma simples voltinha à rua é um Universo de prazer, basta ter comida e agua e todos os dias são sempre energéticos, saudáveis e cheios de aventuras), é com grande pena minha que eu não tenha nascido com 4 patas, pois seria uma Honra para mim ser chamado...de Cão.


A Coerência De Ser Coerentemente...Incoerente

A minha única coerência é ser coerente...com as minhas incoerências.


Já Diz A Musica..."Vês Como A Arvore Se Dobra?""

Assumo-me como o Ser mais orgulhoso que conheço.

É tão difícil assumir que, apesar de ver as coisas de uma certa maneira, alguém vendo-as por um ângulo diferente, poderá também ter razão...mas mesmo assim, estando atento à minha mania de altivez, bem lá no fundo e quando a mente se cala, há certas "lições" que ficam e que, desesperadamente, procuro sempre delas me lembrar...

Quando a Vida nos pedir para nos "ajoelharmos", por mais que a mente resista e crie em nós imenso atrito e mil pensamentos de inferioridade nos assaltem, saibamos ajoelharmo-nos.
Tal como a árvore fértil que tem abundância de frutos e sombra para dar a quem dela se aproxima necessita de se dobrar pois a Vida assim lhe pede, também podemos perceber que sempre que Ela nos pedir para tal, é porque reconhece em nós uma Grandeza que nem começámos ainda a ter noção e que SEMPRE nos quer dar algo...como jamais nos passou pela cabeça.

Pois quando andamos de "nariz empinado", além de nos assemelharmos a uma arvore seca, perdemos muitas "prendas" que estão à nossa espera no tal nível que julgamos...ser inferior.


Doces...Limões?

Podem até, de vez em quando, saírem menos amargos, mas enquanto as raízes continuarem as mesmas...frutos doces jamais irás ter.


Alunos...E "Professores"

O facto de pensarmos que somos dos melhores alunos da Vida e que passámos alguns dos seus testes mais exigentes com nota máxima, não nos dá o "diploma"...para sermos professores de ninguém.


Dons...Não São Verdade

A Verdade não é um dom...

E, estando em todos, ninguém é seu dono, pois Ela só se enamora por Si própria e só recebe...de Si mesma.


Talibans...E "Perfume" Andrógino

Tendo observado com Atenção a maior parte de certos namoros e casamentos que conheço, só posso chegar à (triste) conclusão que só não existem Talibans Masculinos em Portugal (sim porque também os há em versão Feminina, bem, bem disfarçadas)...porque a lei não o permite.

Mas as Meninas que não se façam de vítimas...pois se matar em nome da honra fosse permitido por lei também, 99,9% da população masculina...já tinha sido envenenada. (O que não quer dizer que os homens também não tenham as suas fragrâncias mortais)






M…de Matadouro ( M de Merda)

Manifestações, Gritos, "Revoltas", Indignações…mentiras. O povo, agrupado em massa mais não passa…de um rebanho.

Escondemo-nos atrás de cores políticas e sindicatos para encobrir a cobardia com o nosso próprio Ser. Quantas mais ideologias partidárias terão que ser criadas para que se perceba que todas têm como base e raiz a mentira e que jamais mudarão algo a nível profundo e essencial? 

Não há nada a mudar senão nós próprios. Cada um vê o mundo segundo a "cor dos óculos" que usa mas seria bom que os retirássemos e víssemos as coisas como de Verdade são. Mais do que dinheiro (e não estou a dizer que não é preciso, nem que não faz falta, nem que não gostaria de ganhá-lo mais) não será mais importante ( para o nosso mundo emocional, onde a única e Verdadeira crise existe) começarmos já hoje a apreciar aquilo que temos? Será que ninguém se questiona que se não o conseguimos, TALVEZ NÃO SEJA POR NOS FALTAR ALGO MAS SIM POR TERMOS MERDA A MAIS EM TODOS OS NÍVEIS DO NOSSO SER? É que quando a casa está atafulhada de tralha, torna-se extremamente difícil apreciar a beleza da flor que está na nossa janela.

Todos nos achamos  "Competentes" na nossa profissão…mas é exactamente essa competência que nos está a matar. Vida (com V Grande e V de Verdade) é Flexibilidade, é Crescimento, é Destruição, para que o velho possa dar lugar ao novo, é Mudança... mas perante a mudança, o "competente" resiste por não sentir segurança mas sim ameaça.
Mais do que nunca, actualmente ser "competente" é ser estático e estar estagnado ao passo que ser Flexível. aí sim, além de ser de extrema Inteligência faz-nos ser Verdadeiramente Competentes.

Mais do que uma crise, estamos no fim de uma Era, (e não estou a falar em nada de esotérico) a Era Industrial, para entrarmos na Era Da Tecnologia. NADA do que alguma vez foi, voltará a ser…depois que a tv a cores iniciou a sua revolução, nunca mais a tv a preto e branco voltou a ter protagonismo, depois que a Internet apareceu a Vida, tal como a concebíamos nunca mais foi a mesma, só para dar alguns exemplos.

A Vida e a Internet nos oferecem Hoje, tudo aquilo que precisamos para mudar a nossa Vida. Escreve um livro (é grátis)…inicia um projecto (é grátis)… partilha a tua ideia (é grátis)… dá inicio a um movimento(é grátis)…pára de chorar e utilizar as ferramentas que estão ao teu dispor só para "vomitar" frases feitas  e sem sentido que só contribuem para o barulho e mediocridade. 

Mas se achas que a Troika é o (Real) problema, vai em frente…convoca a manifestação…mente-te a ti próprio…segue o rebanho…mas nunca te esqueças que o destino do rebanho é só um…começa com um M e a resposta está no titulo deste post.

PS: Uma ideia (de Merda)

Porque não, uma vez por dia, fazer cócó numa diferente parte da cidade e gravar em vídeo? É grátis colocar na net… a Atenção das massas está garantida, pois se as massas só gostam de Merda…aí está um negócio com futuro. Até isto era melhor do que manifestações e comícios..de Merda.


Oceanos...Da "Alma"

Pearl Jam, a minha banda favorita de sempre, tem uma musica chamada "I Am Mine" em que um dos versos da canção diz "...The Ocean Is Full Because Everyone´s Crying..."

Sendo nós o Mundo, pois tudo o que se passa "lá fora" passa-se igualmente "cá dentro",  então agora percebo porque também a percentagem de agua no nosso organismo é tão elevada... pois, mais do que as lágrimas que são reveladas são aquelas que são choradas...no silêncio invisível da nossa "alma".


Tatuagens, Poligamia E Poliandria? …Não É Bem Isso

Mas…

Traições, enganos, tristezas, mágoas, dramas, mentiras, traumas para toda uma Vida por nos recusarmos a ver as coisas como elas são…Do meu ponto de vista, NINGUÉM foi feito para, quer física, mental ou emocionalmente, Sentir e Gostar SÒ DE UMA PESSOA. -  (E ANTES QUE LEIAM COISAS QUE NÃO ESCREVI E ACUSEM-ME DE ALGO QUE PENSAM VER EM MIM, FICA JÁ AQUI REFORÇADO QUE É O QUE "EU" PENSO E SINTO…"EU"… NÃO ESTOU A "FORÇAR" NINGUÉM A SENTIR NEM DIGO QUE TODOS DEVIAM SENTIR ASSIM) 

Queríamos que assim fosse, gostaríamos que assim fosse, imitamos quem assim fez. Vivemos pela imagem, pelo ideal, perpetuando a "mentira" que vimos nos outros (desde gerações e gerações) e que julgámos ser Verdade, em nome da segurança psicológica e da continuação do nosso "Eu", tornando-nos seres embrutecidos, insensíveis e mecânicos.

Vivemos pelo que é "socialmente aceite" e claro que queremos passar uma boa imagem de nós próprios…(Se socialmente, a Poligamia e Poliandria fossem aceites, talvez secretamente desejássemos só uma única pessoa).
Quantas vezes, com boa intenção, dissemos a alguém que é a única pessoa da nossa Vida e ouvimos isso de volta só para acabar em decepção e tristeza quando lá no fundo até Sentíamos outras? Por mim falo e me "confesso".
A Verdade é que só conseguiremos Viver Bem e de Verdade só com uma pessoa, quando percebermos em nós próprios que tal é impossível e anti natural.

Falta Verdade, Sensibilidade e Comunicação nos relacionamentos…se víssemos que a Verdade é que não existe só uma pessoa PARA NINGUÉM, (senão, como justificar que, depois de uma separação, mais à frente surja um outro alguém?) então, naturalmente e de maneira suave a e não forçada, talvez conseguíssemos entender que uma relação a dois é (pelo menos para mim é)…das coisas mais Sagradas da Vida…e que cada vez mais só queremos e desejamos... "aquela" pessoa. 
Se calhar, no meio de tanta loucura, tenhamos perdido o "Norte" e nem mais nos lembremos que, acima de tudo, queremos ser ouvidos, entendidos, desculpados…Amados…e o que mais falta é comunicação Sincera e Amoroso sentimento de Verdadeira Amizade. Só que para eu ser ouvido, entendido, desculpado e Amado, PRIMEIRO tenho que ser eu a dar esse exemplo e isso eu não quero...dá muito trabalho... e de repente começo a Viver (para toda uma vida????) uma relação que, em todos os sentidos, mais não é do que fast food e em que a "culpa" é sempre do outro(a).

Todas as tatuagens causam dor…Para mim, existe uma Princesa que ficou gravada no meu Coração como uma Tatoo e que, não a podendo apagar, o meu único caminho é saber viver com ela… ao contrário das tatuagens físicas que somos nós que as escolhemos, as melhores e mais bonitas é a Vida que nos faz, quando ELA quer e SE ela quiser. A minha única postura é estar receptivo a sentir mais algumas "agulhas a marcar-me para a Vida", que, por mais que possam doer, valem sempre tanto a pena.

Antes dela aparecer, tinha chegado à conclusão que não existe só uma pessoa…isso é Verdade para mim…tendo compreendido tal facto (não porque alguém me disse ou estava escrito) existe enorme Espaço psicológico para aceitar que eu não seja o "único" para ela…mas para mim, ela é, (até hoje, pois daqui a 5 minutos ou menos tudo pode mudar) a única pessoa que agora Sinto…(E eu a pensar que os meus tempos de adolescência já tinham ficado para trás e de repente me encontro mais "adolescente" que nunca…ainda bem…estou VIVO e a Sentir de Verdade) e nesta Verdade há Paz, Descanso, Aceitação (Amor?)


Mas só lá chegamos pela Verdade…não por ideais…e por mais paradoxal que possa parecer, desconfia sempre daquele que diz de uma maneira superficial e mecânica que tu és o único(a) para ela(e)…Pois não é ele(a) que te está a mentir… cada um se mente a si próprio…na verdade que quer ver.


Minha tatoo feita há mais ou menos 15 (?) anos, para que nunca me esqueça que:

1 - Sou um "material" reciclável e que, não deixando de ser eu, faço parte de algo muito maior.
2 - Se souber reciclar-me diariamente, a Vida é sempre fresca e nova.
3 - Antes de falar mal de alguém que me lembre que também tenho lixo em mim.

"deus" É A Palavra Mais Subtil Que O "demónio" Utiliza…Para Destruir O Ser Humano


Ontem li…"deus é a Verdade" 

Toda e qualquer noção de "deus" não é a Verdade.

Podemos citar esta e aquela escritura, este ou aquele Ser que a Verdade irá sempre manter-se…NINGUÉM tem a certeza que "deus" existe e tomemos muito cuidado com aqueles que dizem que têm…não quero com isto dizer que não exista, pois até poderá existir… poderei até "acreditar"… tal como poderei "acreditar" que extraterrestres poderão existir… mas ninguém pode afirmar em Verdade que sim (pelo menos eu) e o Princípio é o mesmo. 
Quem é Verdadeiro com o seu próprio Ser não pode dizer que "deus" existe…e isto é Verdade.

Durante a história, aqueles que "acreditam em deus"  e vivem "em nome de deus" têm causado mais morte, destruição, separação, conflito do que o suposto "bem" que se propunham fazer em "seu" (deles?) nome.

Ontem li…"deus é Amor" 

Amor é Amor e quem já experienciou momentos de Verdadeiro Amor (e todos nós já o sentimos…e não estou a falar de sexual ou sentimental) sabe que não houve nesse Sentir, em Verdade, qualquer "deus" presente…a haver alguma palavra que possa descrever esse estado talvez seja um Estado de Silêncio (mental, não forçado ou induzido) total.

Tal como ser Leal não é sinónimo de ser Integro (pois posso viver com Lealdade para com algo ou alguém, violando certos Princípios), "acreditar" em "deus" não é sinónimo de ser Verdadeiro.

E já que estamos num país supostamente "Cristão", lembro-me de que o que foi dito e ficou escrito foi…

 "Conhecereis A Verdade (a Verdade, não "deus") E A Verdade Vos Libertará"

Será isto mentira?



No Meio...A Merda

No Princípio, tudo tem Frescura, Energia e Alegria...
No Fim, tudo tem Sentido...

É no meio...que está a Merda.


Vá Para Dentro...Cá Dentro

Mesmo que não exista um destino final, isso não quer dizer que não haja um Caminho...correcto.




Alegre...Tristeza

Tão ou mais importante do que procurar a Alegria, não será compreender...a Tristeza?




Ao Ritmo Do Coração...Ao Ritmo Da Vida

O nosso próprio Coração nos ensina algo que, por vezes, é tão difícil de compreender...

Tudo o que vale a pena na Vida terá que, inevitavelmente, ter dois "ritmos"... Contracção e Expansão, Aproximação e Afastamento, Próximo e Longe...
Quantas vezes excelentes relações perdem o seu encanto pois, por Medo das palavras e do que identificamos psicologicamente como "estarmos longe ou afastados", preferimos cair na estagnação e monotonia do erradamente identificamos como "estarmos juntos", gerando desentendimentos fúteis e mesquinhos, acabando com ressentimentos e dor.

Estar Verdadeiramente junto é saber que ninguém ensina nada a ninguém...mas a Vida ensina a todos.

Saber que todas as criticas são piores do que as falhas que pretendemos corrigir.

E que, bem lá no fundo, todo o conflito é só uma expressão de Amor invertida, que por receio de admitirmos a nossa fragilidade, pois desde cedo somos condicionados a fazer de conta que somos fortes e independentes, tornamo-nos escravos de emoções e de sentimentos tristes e desgastantes.

Quantas vezes as nossas melhores relações não tiveram início quando julgámos terem chegado ao fim?
Quantas vezes, passados alguns dias de afastamento, não conseguimos adquirir uma perspectiva diferente, causando-nos até embaraço e alguma vergonha por certos comportamentos a "quente"?

Mas a Lealdade (a algo ou alguém) terá que se submeter à Integridade e Verdade...pois uma coisa é ser compreensivo e outra é ser permissivo. A esposa que compreende que o marido é violento mas que continua a permitir ser agredida, além de ser tão violenta como ele, contribui com esta atitude para a morte dos dois.

Amor é Amizade...que também é Afastamento...mas não confundir com Ressentimento ou Indiferença.


Verdadeiros...Opostos

Sendo ambos Verdadeiros, se calhar a razão por a Lua e o Sol continuarem a Encantar quem os contempla, deve-se ao facto... de não estarem juntos.


Foto: Michel Januario

A Alegria é uma "conquista" diária que só os que a temem...a conseguem saborear.


Foto: Michel Januario



Vida Oculta...

Poderiam as flores desabrochar na na Primavera se não existissem no Inverno?


Foto: Michel Januario