Feliz 2012

E se as previsões são piores para o ano que está mesmo a chegar, então a solução será bem difícil...por ser extremamente fácil:

Sejamos muito mais lentos a reclamar...e muito mais rápidos a agradecer.

Feliz 2012 Para Todos


Foto: Michel Januario

Esmagando...Para Dar Vida

E se hoje te encontras triste, abatido, desmotivado, perdido, nunca te esqueças... é pelo esmagar da uva que se retira o melhor vinho.


Foto: MIchel Januario

Nivelados...Pelas Diferenças.

Existem dois estados de espirito ilusórios que nos causam imensa dor...

 - Por vezes penso que sou mais que alguém...(arrogância)
 - Por vezes penso que sou menos que alguém... (submissão)

Mas no essencial, estamos todos nivelados...pelas diferenças.


Foto: Michel Januario

Não Esqueças Mas...Compreende.

Quantas vezes, por vermos alguém que gostamos e queremos bem a passar um período mais triste e "em baixo", aconselhamos a pessoa a "esquecer isso".

Se bem que a intenção seja boa, na prática não estamos nada a ajudar, pois esquecer algo que emocionalmente nos afectou é simplesmente... impossível.
Sendo assim não haverá nenhum caminho para recompor a situação?

Sim, o segredo está na Compreensão do conflito e não no seu esquecimento.

Compreender de facto que alguém que magoa é porque ele próprio se sente magoado, alguém que critica é porque se sente criticado, alguém que agride é porque interiormente está constantemente sendo agredido por pensamentos violentos e assim sucessivamente é a chave, não tenho a menor duvida, para uma relação ser reatada e desta vez ainda muito melhor do que anteriormente.

Isto não é uma teoria mas um facto e, se olharmos para nós sem julgamentos nem criticas, veremos que sempre que agimos menos bem estávamos dominados por pensamentos e emoções desgastantes e perturbadoras...e como nos sentiríamos bem se esse alguém a quem aleijámos nos compreendesse de verdade e aceitasse nossas desculpas.

Compreende o conflito em ti...e percebe que esse alguém que te aleijou, está ele próprio, desejando de ser compreendido e amado por ti.


Foto: Michel Januario

Fins...E Inícios

O fim do velho só pode dar origem a uma coisa....ao início do novo.


Foto: Michel Januario

Construções...Na Areia

Não tentes resolver a falta de Humildade... tenta resolver a crise.
Não tentes resolver a Mentira em ti...tenta resolver a crise.
Não tentes resolver a falta de Amizade...tenta resolver a crise.
Não tentes resolver a ausência de Integridade...tenta resolver a crise.

Querer construir algo sem assentar primeiro os Alicerces da verdadeira Alegria e Prosperidade é como querer construir castelos de areia à beira mar...que só poderão ter um fim.


Foto: Michel Januario

Feliz Natal

No início (que sempre se renova diariamente) era tudo uno e indivisível...

Depois chegou o demónio... e chamou-lhe religião.

Feliz Natal Para Todos


Foto: Michel Januario

Comunhão...

E se te enche o coração de alegria e encanto por veres que o filho que criaste ( ou estás a criar) tem um coração cheio de Amor para dar...não percebes que esse Amor...também és tu?


Foto: Michel Januario

Sete Mares...E Um Farol

Tal como a luz do Farol orienta todos os barcos para uma navegação correcta e sem acidentes, existem Princípios De Vida que são atemporais e universais que governam as relações humanas e tudo na vida que cresce de uma maneira saudável e próspera.

Um erro enorme é confundirmos Valores com Princípios...valores são intrínsecos e pessoais (pois até gangues e quadrilhas têm valores) ao passo que Princípios são extrínsecos e Universais.
Quer gostemos quer não, quer acreditemos quer não, quer disso nos apercebamos ou não, foram, são e serão sempre eles que orientam a Vida e não nós.

Princípios como Verdade, Integridade, Amizade, Honestidade nunca quebram...no máximo, quebramo-nos nós...ao não nos alinharmos pelas suas luzes.


Foto: MIchel Januario

Partindo...Para Chegar.

Quem "Parte", parte para chegar...muito mais perto.

Mas existe uma emoção dos que pensam que ficaram que atrasa imenso essa chegada...a tristeza.
Tenta entender isso...pois na real compreensão deste facto reside o Amor.


Foto: Michel Januario

Limões...Com Sabor A Morangos?

Mas porque razão haveria eu de querer "frutos" doces na minha vida, se diariamente planto sementes amargas?

Se constantemente critico, comparo, maldigo os outros pelas costas, quero estar sempre em "competição" com colegas e amigos, vejo sempre a "Casa dos Segredos" para falar mal dos que lá estão e chamar-lhes de burros (sem sequer me aperceber que, no fundo, eles são só um reflexo daquilo que eu sou...ou melhor...pois eles ganham €€€  por lá estar enquanto eu perco anos de vida e embruteço-me diariamente), se continuo a pensar que a "culpa" é do patrão, do estado, da namorada, do amigo, do governo, das portagens, do cão, do mundo...

Com esta falta de atenção, será que os Frutos doces que a vida tem para oferecer se manifestarão na minha vida? E para mudar os frutos, não terei primeiro que mudar as sementes?


Foto: Michel Januario

A Alquimia Do Amor...

É com muita sensibilidade, respeito e Amor que tento expressar-me sobre algo que penso ser a pior dor do mundo...

Não sei como aconteceu...de certeza um acidente que vitimou alguém (pelo "sentir" do local, atrevo-me a dizer que uns pais perderam um filho...)
Desde à quase 15 anos que passo por este altar, pois situa-se no cruzamento mais próximo do local de trabalho e é inevitável não sentir a dor e tristeza que o local transmite.
Sempre tão delicadamente, flores são lá colocadas diariamente, se bem que, durante estes 15 anos nunca lá vi ninguém...

Imagino a dor de quem "perdeu" esse Ser... e, todos os dias tento lembrar-me que ainda tenho uma hipótese de transmitir a todos aqueles que me conhecem e comigo se relacionam de que, a morte, sendo verdadeira, só pode encerrar em si um significado extraordinário.
Se soubermos falar e comunicar de coração enquanto ainda aqui estamos, pode ser que o que à partida parece a pior dor do mundo, possa, através do Amor e compreensão da Verdade, ser transformado em algo que liberta, dá sentido e consola os que, temporariamente ainda aqui ficam.

Pois o facto de "não estar" não quer necessariamente dizer que seja algo mau ou negativo, antes pelo contrário...talvez a morte possa ser encarada como uma Alquimia Do Amor.


Foto: Michel Januario

O Mau...Do Bom

O bom não é casar...

O mau é não ir casando...todos os dias.


Foto: Michel Januario

Des...Caminhando

Todos queremos segurança, algo que não nos cause desconforto, algo estável...

Começamos a fazer o que alguém já fez, sentir como alguém já sentiu, seguir os passos que alguém já deu. Infelizmente poucos de nós se apercebem que esse caminhar só nos leva a um sítio...dias de tristeza e completamente vazios.
E será essa segurança que tanto procuramos que no fim nos vai deixar completamente desprotegidos.


Foto: Michel Januario

Julgando Julgar...

Que a chama da Verdade não se apague...

Jamais permitas que os outros te julguem e te afectem...pelas suas próprias fraquezas.


Foto: Michel Januario

...Mas Não Vos Pertencem...

Todos os pais deveriam gravar no coração estas palavras... e nem por um único dia deixar de as sentir, profundamente e com humildade...

"...Os Vossos Filhos Vêm Através De Vós...Mas Não Vos Pertencem..." - Khalil Gibran (in "O Profeta")


Foto (de uma foto): Michel Januario

Amizade...É Amor.

Tal como um eixo suporta todos os raios, sendo a peça fundamental para o todo que é a roda, também a Amizade é o coração de todos os nosso relacionamentos.

Como poderá um casamento ser bem sucedido se não houver verdadeira amizade entre o casal? Como poderá haver alegria e educação se não houver amizade entre pais e filhos? Como poderemos crescer a nível do nosso trabalho ou emprego se não houver amizade sentida entre colegas?

Não troquemos as prioridades...tomemos atenção diária ao cultivar da amizade...todos os frutos virão por acréscimo.


Foto: Michel Januario

Chamas...-Me Louco?

É da nossa responsabilidade manter sempre acesa a Sagrada Chama Da Loucura... se acham que isto é de loucos, experimentem viver pelo chamado padrão "normal"


Foto: Michel Januario

Linhas...Desalinhadas.

É essencial fazermos o máximo para que nossa vida esteja o mais possível alinhada pelos Princípios Intemporais e Universais e parece sempre que nosso "alinhamento" só surgirá fruto de um enorme esforço individual mas...o contrário é que é verdade.

Por aceitar meu "desalinhamento" hoje, abro espaço interior para perceber que o estado de "estar alinhado" é impossível de atingir por meio da vontade...será sempre algo projectado para o futuro e, qual "ElDorado", simplesmente e para sempre uma ilusão. Nessa aceitação, compreendo que são as pessoas e situações que vão surgindo que me vão "trazendo" esse alinhamento que tanto me esforço por atingir...E por mais paradoxal que possa parecer, nessa abertura todos ficarão mais alinhados que nunca.


Foto: Michel Januario

Fugindo...De Quem?

Como conseguirei encontrar-te, se continuo a fugir...de mim próprio?


Foto: Michel Januario



Relações Ao Pôr Do Sol...

Tal como o pôr do sol é simultaneamente algo mágico e natural, também a nossa relação com a/o nossa namorada/o, esposa/o etc deveria ter sempre estas qualidades...

Contemplemos, apreciemos, elogiemos o outro e... criemos "espaços". O Amor não é uma fonte que retém ou prende, antes pelo contrário, liberta, apoia e incentiva.

Tudo o que é verdade voltará sempre... tal como o sol...por vezes não o vemos... mas até hoje, não houve um único dia que não faltasse.


Foto: Michel Januario

Reciclando...-me

Papel no ecoponto azul...vidro no verde...plástico no amarelo...

E o nosso lixo psíquico? Estaremos fazendo a reciclagem diária necessária à nossa higiene mental? Este sim é o pior de todos os lixos e o que mais nos faz "apodrecer" interiormente.


Foto: Michel Januario

Prioridades...

O teu "Trabalho" começa quando o teu emprego termina...


Foto: Michel Januario

Invenções E Confusões...

Não inventes...

Se queres ir "longe" na vida, começa pelo que te está perto.
Cuida dos que te são próximos com carinho e atenção que a vida cuidará de ti.

Garantido.


Foto: Michel Januario

Caminhando...

E quando caminhares sozinho aperceber-te-ás que caminhas para te juntares aos outros que estão já à tua espera.

Superficies Superficiais...

Se ris, ri de verdade...se choras, chora de verdade...

Habituámo-nos de uma maneira tão vazia a sermos incrivelmente superficiais, que pior do que qualquer sofrimento que tenhamos ou imaginemos vir a ter, são as máscaras que utilizamos para os negar e darmos uma impressão de independência e felicidade.

Em vez de sermos oceanos de vida somos meros lençóis de água...finos e superficiais.


Foto: Michel Januario

Espelhos E Reflexos...

Quer gostemos quer não, quer nos apercebamos disso ou não, o mundo é sempre um espelho que nos mostra aquilo que somos.

Quando criticas, maldizes ou troças do "outro" não estarás no fundo, a falar de ti próprio?


Foto: Michel Januario

O Que Mais Nos Assusta?

Como um pássaro que se habituou a viver numa gaiola receia voar no céu aberto o qual é a sua verdadeira natureza, também nós receamos quebrar as grades psicológicas com que nos auto enclausurámos e vivermos com liberdade e alegria...

Por outras palavras, do que mais temos medo é de ser felizes.


Foto: Michel Januario

Isso Mesmo...É O "Teu" Medo.

Medo...emoção desgastante e perturbadora...

Surge de vários formas, nuances e quando menos o esperamos e que pode nos estragar dias, semanas e...até a nossa vida.
Temos, por mais que nos custe e intimide, olhar esse medo nos olhos... até que ele perceba que é ele que é nosso...e não nós que somos dele.


Foto: Michel Januario

A Técnica Retira O Sentir?...

Toda a educação, seja em que área for, dá o máximo de atenção à parte técnica...

Formações, especializações, graduações e pós graduações, cursos d´isto e daquilo... Um "excelente" aluno de medicina e futuro médico é aquele que tem a nota mais elevada e mais "conhecimento" de técnicas acumulado, só para dar um exemplo...

E a respeito do "Sentir"? Em que universidade se dá primazia ao desenvolvimento emocional e da sensibilidade? Será que a médio prazo, as nossas emoções e sentimentos quando bem trabalhados, não farão toda a diferença do mundo na nossa vida e na daqueles que connosco se relacionam?


Foto: Michel Januario

Sempre Fugi Dos Adeus...

Sempre fugi dos adeus...

Desde que me lembro de mim, sempre evitei a hora das despedidas...desde relacionamentos pessoais a profissionais, tento sempre desligar-me ao máximo desse momento e arranjar um meio de fuga...

Estou ligeiramente a dar-me conta que, se não tentar "fugir" das despedidas, se ficar e aceitar a dor e tristeza, (que já e sempre a antecipei) essa dor não tem uma ponta tão aguda assim...e o melhor...esgotado e sentido profundamente esse adeus, de algum modo, transforma-se sempre num novo e fresco "Olá"


Foto Michel Januario

Nós...Na Mente...

Nossa mente está actualmente cheia de nós...

Tentemos, diariamente, desfazê-los...pois fomos nós próprios que os construimos.


Foto: Michel Januario

Um Adeus Tão Feliz… (3 Fotos, 1História, 1Metáfora…) - parte 1

Sempre pensei pertencer à areia da praia…toda a minha vida foi passada nela, todos os meus melhores e piores momentos.
No entanto, sempre me falaram que um dia o oceano chegaria e me levaria com ele. Nunca liguei…apesar de ver ao longe uma espuma, que todos os dias as gaivotas diziam levar as minhas semelhantes com ela…com certeza que a mim não chega ela…



Foto: Michel Januario

Um Adeus Tão Feliz… (3 Fotos, 1História, 1Metáfora…) - parte 2

Ao ficar mais atenta ao que me rodeava, fui notando que essa espuma cada vez chegava mais e mais perto de mim…era impossível afastar-me dela…por mais que fizesse e tentasse, percebi que tal encontro seria inevitável… o isolamento e a tristeza interior foram brutais e intensos ao perceber que ela estava muito mais perto de me levar do que eu pensava…que fiz de mal eu? Porque o malandro oceano me quer levar?



Foto: Michel Januario

Um Adeus Tão Feliz… (3 Fotos, 1História, 1Metáfora…) - parte 3

Apercebendo-me que era mesmo esse o meu destino, e depois de muito pensar e ir até ao fundo de mim mesma,surgindo de um vazio tão completo e grandioso, uma solidão tão serena e tranquilizadora chegou até mim…e foi nesse silêncio que tudo fez sentido…
Afinal, o meu lar sempre foi no mar…não só o meu como o lar de todas as minhas semelhantes…as que já lá estavam e as que, inevitavelmente, se irão juntar de novo a mim…
Então, finalmente quando essa espuma, tão delicadamente me apanhou, só tive tempo para um pensamento…

"Olá Espuma...À Tanto Tempo Que Estava À Tua Espera…"



Foto: Michel Januario

E O "Sentir"?...

Cursos + Cursos, Informação + Informação, Crise + Crise, Técnicas + Técnicas, Acumular Emoções + Acumular Emoções (etc até ao infinito...)

E o "Sentir"?...


Foto: Michel Januario

Bela Imperfeição....

Fazemos coisas ridículas e até doentias para esconder nossas "imperfeições"...

Que pena que não consigamos apreciar a sua beleza


Foto: Michel Januario

Riscos?...

TUDO na vida é um risco...

E bem lá no fundo sabemos que não queríamos viver de outra maneira...


Foto: Michel Januario

Resistência Ao Fluir...

Toda a experiência de vida tem me mostrado que no deixar fluir de situações, acontecimentos, relações etc é que seremos "transportados" para outros ainda mais felizes e com mais profundidade...

No entanto, a resistência à mudança e o "atrito psicológico" continuam enormes...

A única diferença é que agora, tento ao máximo não ter receio de me expor e revelar meu mundo interior...que no fundo é muito parecido (para não dizer igual) ao de todos aqueles que comigo convivem (arriscaria a dizer que muito parecido também ao daqueles que nunca conheci nem conhecerei)...

A resistência começa a diminuir...


Foto: Michel Januario

Acorrentados...Ao Passado....

Não fomos nós próprios que nos acorrentámos ao passado?

Se conseguirmos ver que sim, automaticamente descobrimos que as chaves desse cadeado está no nosso bolso e pronta para ser usada...

Em que ficamos?


Foto: Michel Januario

Brincar...É Uma Coisa Muito Séria...

Há quanto tempo não brincamos com alegria e amizade?

ATENÇÃO.... Não confundir brincar com gozar, que é praticamente o que fazemos numa base diária...


Foto: Michel Januario

Falta-nos Solidão...

Falta-nos solidão nas nossas vidas... sobra-nos isolamento...

Quando entendemos profundamente esse "estado de ser" de solidão, somos preenchidos por algo que as palavras não podem muito bem explicar...


Foto: Michel Januario

Donos À Rua...

 Tantas vezes estamos enganados...

Damos por garantido que somos nós que vamos passear nossos animais de estimação mas... não serão eles que na maior parte das vezes nos "passeiam" a nós?
Quantas vezes a nossa alegria não volta e tudo volta a fazer sentido nessas voltinhas com amizade?


Foto: Michel Januario

Ficando Nu...

Por vezes posso soar a algo forçado e até a frases feitas... se bem que tenha algumas influências, tento, à minha maneira, não imitar nada nem ninguém...mas, acima de tudo, o que aqui tento quando escrevo é ouvir-me e motivar-me a mim próprio.

Quero ser verdadeiro... por isso, sinto que em verdade, a palavra mesmo é "Tentar"... Tentarei sempre dar o meu melhor e nesse tentar talvez esteja a verdade em si.

O "normal" é escrever algo fútil e corriqueiro...tento não o fazer... para tal, tento sempre ir ao fundo de mim próprio, por mais que isso me assuste... sinto conexão sempre que leio algo de alguém que sinto que essas palavras tenham vindo do coração. Gostava de fazer algo assim também...

Ass: Michel Januario

Silêncio Em Acção...

Relacionamento com Amor... é silêncio em acção.


Foto: Michel Januario

Raiva...De Quem?...

Raiva...emoção tão fácil de nos controlar...
É quase óbvio que quando temos "raiva", temos raiva de alguém ou de alguma coisa fora de nós.

Será?

Quando dizemos "Estou Com Raiva De...", se tivermos sensibilidade para compreender que essa "raiva" não está fora de nós (no acontecimento, situação, pessoas etc) mas sim dentro, então, no fundo, esse sentimento será contra nós próprios e somos nós que nos estamos a "violentar" devido a ele...

Não tem sentido...



Foto: Michel Januario

Caminhos Errados?... (Parte 1)

Ninguém quer trilhar um caminho errado...

Mas, onde estará esse caminho "errado"?  Emoções como Medo, Tristeza, Angustia, Nostalgia, quando bem entendidas e aceites sem julgamento nem auto crítica, não farão elas também parte de um "Caminho Certo?"


Foto: Michel Januario

Espaço Para Errar...

Termos "espaço interior" para errar foi, sem quaisquer dúvidas, uma das maiores "descobertas" da minha vida...

É, quase que diria, condição essencial para termos uma vida cheia de amizade, sentido e Amor. Ao darmos a nós próprios esse "espaço" todo e quaisquer conflitos cessam por completo e nessa aceitação do erro, toda a tensão desaparece, levando-nos paradoxalmente a realizar seja o que for de uma maneira muito mais correcta e completa.


Foto: Michel Januario

Ventos Emocionais...

Não importa a direcção em que o vento da resistência sopra e nos atinge... é contra ele que nos devemos dirigir.


Foto: Michel Januario